Leões VS Dragões

Miguel Pereira

Dia 18 de Maio, o FC Porto e Sporting vão discutir o seu troféu mais importante do futebol português. Os dragões tiveram um agradável passeio por Setúbal, enquanto que os leões protagonizaram uma das reviravoltas mais espectaculares dos últimos tempos.

Jogar à Porto

No dia anterior ao jogo da meia-final, Jesualdo Ferreira tinha prometido que a sua equipa iria “jogar à Porto”. A promessa foi cumprida, e os tricampeões nacionais não deram nenhuma hipótese a um irreconhecível Vitória de Setúbal.

A equipa sensação do campeonato ainda deu um ar da sua graça, mas os dragões foram donos e senhores do jogo, nomeadamente a partir do momento em que se adiantou no marcador.

Na segunda parte, Lucho González comandou os “azuis e brancos” e construiu, marcando por duas vezes, o resultado final.

Segunda parte imprópria para cardíacos dá final aos leões

Poucos acreditariam, no final da primeira parte, que o dérbi de Lisboa teria um desfecho final impróprio para cardíacos e favorável ao Sporting.

O Benfica de Chalana realizou um primeiro tempo como há muito não se via. Soube aproveitar as fragilidades leoninas e ao intervalo com justiça, graças a golos de Rui Costa e Nuno Gomes.

Na segunda parte tudo foi, contudo, diferente. O Sporting tinha de ir atrás do prejuízo e Paulo Bento arriscou tudo. Colocou Izmailov e Derlei para carregar o adversário. O ditado já diz que água mole em pedra dura tanto bate até que fura. Yannick Djaló conseguiu furar a defesa “encarnada” e a partir daí tudo se tornou mais fácil. Quim ainda tentou evitar o empate, mas Liedson restabelece a igualdade. Não foi preciso esperar muito para se ver Derlei, completamente livre de desmarcação, sentenciar a cambalhota no marcador.

O Benfica ainda deu um ar da sua graça e conseguiu reagir da melhor forma, com Cristian Rodriguez a empatar a partida. Os que pensavam que este jogo já não poderia ter mais emoção estavam redondamente enganados: dois minutos volvidos Djaló, com a bola a ressaltar em Luisão, bisa na partida e recoloca a sua equipa na frente.

Até final, tempo para mais um golo, por intermédio de Vukcevic, que selaria o resultado final.

Anúncios

Etiquetas:

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: